Palestra: “Sexualidade, Ciência e Profissão na Argentina” – UERJ

O cientista social e professor da Universidade de Buenos Aires, Daniel Jones, apresenta a palestra “Sexualidade, Ciência e Profissão na Argentina”. O pesquisador abordará como se configura atualmente o campo da sexologia na Argentina, dividido em duas vertentes – a sexologia clínica e a educação sexual – e o processo sócio histórico que possibilitou o desenvolvimento do campo naquele país. O evento será realizado no dia 16 de março, às 10h no Instituto de Medicina Social (IMS/UERJ), localizado no 7º andar – bloco E – Sala 7.003.

Daniel Jones é (Universidad de Buenos Aires, doutor em Ciências Sociais pela UBA e membro do Grupo de Estudios sobre Sexualidades – GES-IIGG-UBA). Na ocasião será discutido o desenvolvimento comparativo da sexologia na Argentina e no Brasil. Organização: CLAM. Coordenação: Jane Russo.

Fonte: IMS-UERJ e Pagu.

Grupo de Estudos e Pesquisa “Eneida de Moraes” (Gepem) – UFPA

A efervescência do feminismo, desde meados dos anos sessenta, estimulou o interesse pelos estudos de gênero, concorrendo para a emergência de um novo olhar da Ciência, numa base interdisciplinar, para esta área de reflexão.

Os frutos desta efervescência favoreceram a criação de programas de estudos nas universidades e demais instituições de pesquisa, responsáveis pelo estímulo à criação de grupos e núcleos de pesquisas sobre a mulher e as demais questões de gênero, em nível nacional e internacional.

No âmbito da Universidade Federal do Pará, esta nova área de conhecimento em torno das teorias de gênero suscitou a criação do Gepem – Grupo de Estudos e Pesquisas “Eneida de Moraes” –, em 1994, cujas associadas têm procurado refletir sobre os temas que sinalizam para a valorização dos Direitos Humanos.

Gepem é constituído por docentes, discentes, técnico-administrativos, pesquisadores e profissionais da UFPA e de outras instituições públicas e privadas, e dos movimentos de mulheres interessados na temática mulher e gênero. O Gepem tem uma coordenação colegiada exercida pelas professoras doutoras Maria Luzia Miranda Álvares (FACS/IFCH/UFPA) e Eunice Ferreira dos Santos (ICED/UFPA)

As linhas de pesquisa do grupo são: Mulher e Participação Política; Mulher, Relações de Trabalho, Meio Ambiente e Desenvolvimento; Gênero, Identidade e Cultura; Gênero, Arte/Comunicação, Literatura e Educação; Gênero, Saúde e Violência.

Clique aqui para visitar o site do Gepem.

“Sarau das Brejeiras” dia 8 de março

No Dia internacional da Mulher a Editora Malagueta realizará um “sarau das brejeiras” na Casa das Rosas. Haverá lançamento do novo livro de Karina Dias, “Diário de uma garota atrevida”, (autora de “Aquele dia junto ao Mar”) e pocket show de Laura Finocchiaro. Durante o sarau, você pode participar leno algum poema ou trecho de romance.

A Editora Malagueta é “um grupo de mulheres lésbicas que se reuniu para publicar livros para lésbicas”, dirigida por Laura Bacellar. Você pode conhecer o trabalho das gurias no site: http://www.editoramalagueta.com.br/

Serviço:
Sarau da Brejeiras
– Lançamento de “Diário de uma garota atrevida”, com Karina Dias
– Pocket show de Laura Finocchiaro
Dia 8 de março, quinta-feira, das 19 às 22 horas
Local: Casa das Rosas, Avenida Paulista, 37 – Próx. Metrô Brigadeiro – São Paulo – SP

Grupo de Estudos sobre Diversidade Sexual e Religião – UFRJ

O “Grupo de Estudos sobre Diversidade Sexual e Religião” foi criado em 2007 e vem realizando pesquisas e procurando divulgar estudos e outras ações relacionadas a essa problemática. Está sob coordenação de Maria das Dores Campos Machado e é vinculado à Escola de Serviço Social da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Clique aqui para visitar o site do grupo: http://www.ess.ufrj.br/diversidadesexual/site/home/index.php

Núcleo de estudos da mulher e relações sociais de gênero (Nemge) – USP

O Núcleo de Estudos da Mulher e Relações Sociais  de Gênero (Nemge-USP) tem como diretriz pesquisas e cursos visando superar todas as formas de discriminação, especialmente contra a mulher. Desta forma, estudamos a problemática da condição feminina, com ênfase na realidade brasileira, propiciamos a docentes, pesquisadores e estudantes a oportunidade de realizar suas investigações sobre relações sociais de gênero e divulgamos os resultados de trabalhos e pesquisas sobre a mulher e a questão da inequidade de gênero. É coordenado pelas professoras Eva Alterman Blay e Lia Freitas Garcia Fukui.

Clique aqui para visitar o site do núcleo: http://nemge.wordpress.com/
Siga o Nemge no twitter: @nemgeusp

Grupo de pesquisa diversidade sexual, cidadania e religião (PUC-Rio)

O grupo de pesquisa teve início no segundo semestre de 2006, com o objetivo de estudar o tema da Diversidade Sexual de forma interdisciplinar.  O grupo está registrado no CNPQ e por dois anos esteve ligado ao Departamento de Serviço Social da PUC-RIO. Durante os anos de 2007 e 2008 foram realizados debates, palestras e apresentações de filmes na própria PUC. Em 2009, o grupo passou a estar ligado à Vice-Reitoria Acadêmica da PUC-Rio.

O site disponibiliza vários textos abordando o catolicismo e a diversidade sexual. Clique aqui para acessar: http://www.diversidadecidarelipucrio.com.br/